fbpx

10 sinais de que está a precisar de um novo site para a sua empresa

A internet é, nos dias de hoje, um mundo e nesse mundo existem milhões de websites que procuram captar a atenção de potenciais clientes. O seu também faz certamente  parte desse mundo em competição.

Provavelmente por vezes passa despercebido, ou porque é já um pouco antigo, utilizando ainda Flash, ou simplesmente porque não é responsivo, sendo que os conteúdos não se encontram optimizados para a utilização mobile. Pode também acontecer que não tenha nenhum dos aspectos mencionados anteriormente, mas simplesmente, o website não ter os resultados que deseja.

Abaixo ficam alguns aspectos que deverá ter em conta de modo a redefinir as estratégias de design do seu website bem como possíveis melhoramentos e quem sabe até um redesign do mesmo.

1. TAXA DE CONVERSÃO

Perceber se a sua taxa de conversão se encontra estagnada ou numa fase decadente é muito importante para a renovação do seu website.

Ter uma grande afluência de visitantes no seu website é importante mas se o seu negócio depende das vendas online, é ainda mais importante que essa afluência de visitantes se converta em compras. Ter uma taxa de conversões optimizada é uma óptima forma de atingir esse objectivo e para tal é necessário que perca tempo a fazer alguns processos  (ex. split-teste, testes de usabilidade, copywriting, etc.) de forma a compreender o que funciona melhor.

Desde 2007 que a Google dispõe de uma ferramenta, Google Website Optimizer, que o poderá ajudar com este aspecto.

2. SEO FRACO

Este é um aspecto fundamental para todas as empresas que não querem ter o seu website estagnado.

Cada vez mais as pessoas quando precisam de qualquer coisa recorrem à internet. Por isso ter o website optimizado e bem classificado pelos motores de pesquisa ajuda o cliente a encontrá-lo mais facilmente.

A utilização de palavras-chaves específicas e que estejam directamente ligadas à sua área de negócio é crucial para que tenha bons resultados de SEO.

3. DESIGN POUCO APELATIVO

Um mau design pode estar directamente relacionado com o índice de rejeição do seu website.

Se o mesmo já tem alguns anos estará muito provavelmente desactualizado não inspirando nem confiança nem credibilidade a quem o visita. Ter já uma ideia do perfil dos seus clientes é meio caminho andado para fazer uma actualização.

Nos últimos tempos as imagens reais tem vindo a ganhar cada vez mais importância por isso são um dos aspectos que deve considerar no redesign do seu site. Estamos a falar de imagens institucionais e de produtos, imagens que de certa forma humanizem a sua marca e permitam às pessoas relacionarem-se com a mesma.

Na Colour Invasion trabalhamos em proximidade e em conjunto com os nossos clientes de forma a proporcionar-lhes uma experiência única no desenvolvimento de websites. Precisa de ajuda clique aqui.

4. FALTA DE USABILIDADE

O website da sua empresa é fácil de navegar ou é daqueles que precisa de um manual de instruções?

Quando um website não é construído de maneira estratégica os visitantes não conseguem encontrar aquilo que procuram pelo que muito facilmente desistem de navegar.

Ter na sua homepage os serviços que disponibiliza direccionando para as várias soluções de que dispõe, torna a experiência do usuário mais fácil e intuitiva o que certamente fará baixar a sua taxa de rejeição. Quanto menos cliques os visitantes têm de dar para conseguirem aceder aquilo que procuram melhor.

Também é importante que dê atenção ao conteúdo do seu website. Deve ter conteúdo com as medidas certas, com textos concisos e com as informações mais relevantes caso seja um produto simples de vender ou caso seja algo mais complexo, com texto detalhado e algumas imagens para suavizar a leitura e torná-la mais agradável.

5. SITE RESPONSIVO

Deixar este aspecto de lado não é uma opção.

Nos dias de hoje é obrigatório que o website da sua empresa seja responsivo. Os hábitos de navegação dos utilizadores da internet mudaram muito e para além de estarem ligados 24h por dia acedem à internet cada vez mais a partir dos dispositivos móveis.

Consequentemente o próprio Google penaliza, nas suas classificações, os websites que não estão adapatados para os diferentes tipos de dispositivos.

6. MUITO TEMPO PARA CARREGAR

O tempo de carregamento do seu website também influência a perda de visitas e em consequência aumenta a sua taxa de rejeição. Segundo os números divulgados pela Boxes and Arrows, 40% dos usuários só estão dispostos a esperar cerca de 3 segundos para que um website carregue.

Existem ferramentas gratuitas que o podem ajudar a avaliar o tempo de carregamento do seu website, sendo o Grader uma delas.

Algumas das alterações que terá de fazer podem exigir alguns conhecimentos especializados que talvez tenha de ser feitos por um profissional, no entanto, existem aspectos mais simples que poderá provavelmente resolver sozinho, como por exemplo: optimizar o tamanho das imagens e inserir os arquivos de Javascript no final do HTML.

7. NÃO DAR PRIORIDADE À SEGURANÇA

Tal como falamos em posts anteriores, a questão da segurança do website é muito importante.

A internet têm vindo a evoluir e em consequência disso também evoluem os ataques cibernéticos. Desde invasões aos seus bancos de dados, alterações de conteúdo, a publicações de materiais proibidos até à destruição de arquivos os ataques podem assumir diversas formas, consequentemente deverá estar prevenido para este tipo de situações. Investir em segurança é um óptimo investimento.

8. SITES DESACTUALIZADOS E COM POUCA TECNOLOGIA

Com toda a evolução dos dias de hoje, podemos dizer que um website que tenha sido desenvolvido há mais de 4 anos, já se encontra certamente desactualizado e por consequência sofre as consequências negativas dessa situação.

Um website criado em Flash já não é bem aceite por um usuário que procura uma experiência de navegação mais moderna e rápida e similarmente nem sequer será visualizado por quem aceder através de um dispositivo móvel.

9. BLOG COM POUCAS PUBLICAÇÕES

Um blog deve ser encarado como uma excelente estratégia de divulgação da sua empresa e serviços. Acima de tudo por ser uma forma de captar clientes para o seu website, como também contribui directamente para a pesquisa orgânica.

10. CONTEÚDO INADEQUADO

Finalmente procure ver o seu website aos olhos dos seus visitantes e analise se o conteúdo do mesmo, a mensagem transmitida é facilmente entendida. Peça a clientes ou amigos para analisarem e darem o seu feedback.

Se vende produtos/serviços não se esqueça de mostrar os benefícios dos mesmos. Coloque testemunhos de outros clientes de forma a conquistar a confiança de novos visitantes e criar credibilidade. Não encare esta tarefa como algo estanque pois deverá ir sendo actualizada e redefinida de forma a não se deixar ficar para trás.

Existem actualmente inúmeras possibilidades tecnológicas à sua escolha e que podem certamente ser adaptadas a qualquer tipo de empresa tendo em conta o perfil dos seus clientes.

Na Colour Invasion as nossas áreas de actuação vão desde a criação de websites e lojas online, manutenção e gestão de websites, desenvolvimento de aplicações web, desenvolvimento de aplicações mobile, registo de domínios, alojamentos de websites, web marketing, design gráfico entre outros. Se precisar de ajuda entre em contacto connosco.

Recomendar
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIN
Partilhar
Deixar um comentário