fbpx

Selo Azul do Instagram

O que significa ter o selo azul na sua conta do Instagram? Este selo azul não é mais do que um comprovativo que a rede social dá em como existe uma pessoa real por detrás de uma conta.

Quando surgiu, o selo azul, era exclusivo para quem tivesse determinado número de seguidores, consequentemente teria de ser alguém famoso para atingir o valor necessário. No entanto, actualmente já é possível que qualquer usuário faça a verificação para que lhe seja atribuído o famoso selo.

Qual a importância de ter o selo azul?

Uma das vantagens óbvias é o maior alcance que as suas publicações podem ter. O facto de ter este selo na sua conta permite-lhe colocar links nos seus stories. Por conseguinte, aumenta as hipóteses de ver crescer o seu tráfego e converter clientes no site ou no blog.

Uma conta verificada, ou seja, com o selo azul, é fácil de identificar. Por conseguinte, junto à descrição do perfil existe um símbolo de “check” a azul.

Ao ser a própria rede social a comprovar que aquele perfil é um canal oficial da marca, está a transmitir confiança aos usuários, dando credibilidade e autoridade à marca.

Como fazer para ter uma conta verificada

Apesar do Instagram ter alterado, em 2018, os critérios internos para atribuição dos selos azuis, continua a não ser fácil consegui-lo. No entanto, não custa tentar, certo?

Em primeiro lugar comece por abrir o perfil da sua conta e vá às configurações. De seguida escolha o campo “solicitar verificação”. Terá de confirmar o seu nome de usuário, nome completo da empresa e fazer o upload dos documentos que comprovam a identidade ou responsabilidade sobre a marca (declaração de impostos, conta de serviços públicos recente, artigo de incorporação). Caso se trate de um blog pode fornecer um documento com selo oficial ou marca d’água, por exemplo, telefone, certificado de formação ou documentos fiscais ou de isenção fiscal.

Após o seu pedido o Instagram irá analisar o mesmo tendo em conta 4 aspectos:

  • autenticidade (não pode ser um perfil fake)
  • exclusividade (tem de ter um perfil exclusivo e não um dos muitos que a marca tem na rede social)
  • integridade (o perfil tem de ser público, com foto, bio completa e pelo menos um post publicado)
  • notabilidade (a conta tem de ser de uma marca conhecida dentro de determinado nicho)

Este último aspecto faz com que não seja fácil conseguir o selo, no entanto, pode sempre trabalhar de forma a que a sua marca passe a ser falada na web e ganhe visibilidade.

Caso não consiga obter a aprovação, terá de esperar 30 dias para submeter um novo pedido.

O que fazer caso o pedido de verificação seja recusado

Comece por mostrar que o perfil é realmente seu. Uma conta recente, que tenha poucas publicações e interacções fornece poucas provas de veracidade. Para tal, procure mostrar quem é e o que faz. SE tem um website não se esqueça de colocar na bio o link para o mesmo.

Uma boa sugestão é publicar stories dos bastidores de trabalhos que já realizou, promoções, lives, etc. Tudo aquilo que ajude a fortalecer a imagem da sua empresa e o ajude a gerar reconhecimento.

Como em tudo na vida que implica regras, as do Instagram devem ser seguidas à risca. Não faça spam, não compre seguidores ou utilize ferramentas automatizadas para seguir e curtir perfis na rede social.

Regra básica, tenha atenção aos direitos de autor. Veja aqui os Termos de Uso do Instagram.

Uma mais valia é ter uma conta verificada no Facebook. Não se esqueça que as 2 fazem parte do mesmo grupo.

Finalmente, outro aspecto a ter em consideração é a sua presença em outras redes sociais. Ter notoriedade em redes como o Twitter, Facebook e YouTube podem ajudá-lo a conseguir o selo azul do Instagram.

 

Como viu não é fácil obter o famoso selo azul. No entanto, mesmo que não o consiga logo, existe sempre “trabalho de casa” que pode fazer de forma a melhorar os seus resultados na rede social.

Recomendar
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIN
Partilhar
Deixar um comentário